MENU

25/05/2020 às 16h50min - Atualizada em 25/05/2020 às 16h50min

Vadão, ex-técnico da seleção feminina, morre vítima de câncer

Aos 63 anos, treinador estava internado em São Paulo desde a semana retrasada; ele lançou Kaká no São Paulo e também passou por Corinthians, Guarani, Ponte, entre outros

Da Redação

Morreu no início da tarde desta segunda-feira Oswaldo Alvarez, o Vadão, ex-técnico da seleção brasileira feminina de futebol e com passagens por São Paulo, Corinthians, Guarani, Ponte Preta, entre outros.

Aos 63 anos, ele lutava contra um câncer no fígado e estava internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, desde a semana retrasada. A assessoria de imprensa do hospital confirmou o falecimento à reportagem.

Vadão lutava contra a doença desde o início de 2020, quando passou por sessões de quimioterapia e chegou a apresentar evolução, mas o quadro se agravou recentemente.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Sugestões
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp