MENU

01/08/2021 às 13h41min - Atualizada em 01/08/2021 às 13h41min

Hospital em Itapemirim deixa de ser referência em Covid-19 e leitos voltam à clínica médica

Da Redação
 

O Hospital Evangélico Litoral Sul, em Itapemirim, encerra neste domingo (1), o atendimento à COVID-19. A decisão faz parte da nova política de desmobilização de leitos da Secretaria de Saúde do Estado (Sesa).

O hospital iniciou a contribuição no enfrentamento à pandemia  no dia 23 de maio de 2020, com a inauguração da Unidade de Tratamento Intensivo, que leva o nome de “Dona Penha Ayub”, uma homenagem à mãe da Deputada Federal Norma Ayub, responsável por destinar emendas parlamentares para aquisição de todos equipamentos da UTI.

“A gente obteve números comparáveis às melhores UTIs do Brasil. Tudo isso graças aos esforços de pessoas que contribuíram de maneira importante, entre elas, sem dúvida, a deputada Norma”, disse Marlus Thompson, coordenador da UTI.

No início, foram disponibilizados 20 leitos de UTI e 20 leitos de enfermaria para os casos de coronavírus. Em março de 2021, com a segunda onda da pandemia, esse número cresceu para 30 leitos de UTI e 40 de enfermaria.

Agora, com o encerramento dos atendimentos a COVID-19, os leitos de UTI serão destinados à clínica médica. “A pandemia acelerou a inauguração da nossa UTI. Com o fechamento, a população sul capixaba ganha uma nova estrutura para atender às suas necessidades”, comenta o diretor clínico Felipe Vieira.

Já os leitos de enfermaria também voltarão a atender a demanda da clínica médica, cirurgias gerais e vasculares. As internações pelo Sistema Único de Saúde (SUS) serão feitas através do serviço estadual de Central de Vagas.

Fonte: Aqui Notícias


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Sugestões
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp