MENU

24/08/2020 às 13h47min - Atualizada em 24/08/2020 às 13h47min

Suspeito de matar noiva é investigado por outros crimes em Minas Gerais

O suspeito de matar a noiva, Euzineia Loyola, de 50 anos, já era investigado pela Polícia Civil de Minas Gerais pela prática de Estelionato em Caratinga e região. A Polícia Civil ainda informou que …

Da Redação

Alex de Almeida Barros foi preso na manhã de sábado (22) em Venda Nova do Imigrante, região Serrana do Estado, após receber alta hospital. De acordo com a Polícia, o acusado se envenenou e precisou ser internado no Hospital Padre Máximo. Ele foi encaminhado para a Delegacia Regional de Anchieta, mas não respondeu aos questionamentos dos policiais e investigadores. O suspeito foi autuado pelo crime de feminicídio e já se encontra no Centro de Triagem de Viana.

Euzineia Loyola morava foi encontrada morta por um vizinho no dia 18 de agosto. O corpo estava dentro de uma piscina do sítio da família na região de Goembê, interior de Anchieta. Ela tinha sinais de estrangulamento.

De acordo com a família, o namorado da comerciante foi a última pessoa que esteve com ela. O corpo de Euzineia foi encontrado um dia após os dois saírem juntos. Alex desapareceu após a data.

O namorado sumiu após a família reconhecer o corpo de Euzineia, o que causou estranheza para a família, é que o homem não atendia as ligações na segunda-feira (17), e disse que não estava com a mulher. Euzineia foi enterrada em Guarapari na última quarta-feira.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Sugestões
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp