MENU

23/04/2020 às 18h52min - Atualizada em 23/04/2020 às 18h52min

Vítima de acidente, morre irmã da deputada federal Norma Ayub

Jurema Alves Ayub Almeida, de 75 anos, estava internada em Cachoeiro de Itapemirim desde o domingo (19)

Da Redação

Morreu na tarde desta quinta-feira (23), mais uma vítima do acidente entre dois carros que aconteceu no final da manhã do último domingo (19) na ES 490, rodovia que liga Marataízes a Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo.

Jurema Alves Ayub Almeida, de 75 anos, estava em um dos veículos envolvidos na batida. A vítima era irmã da deputada federal Norma Ayub (DEM). Por meio das redes sociais a deputada expressou o momento de luto. “Meu Deus! Hoje o céu estará com mais uma estrela brilhando à noite. Receba ao teu lado minha irmã Jurema, que em vida dedicou às ações de solidariedade, com um espírito de humanidade e pureza, raras nos dias de hoje.

Estarei sempre admirando à noite a tua luz brilhar no céu. Amo você!”, disse a deputada. O horário do velório ainda não foi definido, uma vez que a família aguarda a liberação do corpo da idosa do Serviço Médico Legal de Cachoeiro de Itapemirim. O sepultamento acontecerá no cemitério da Vila, em Itapemirim. 

Jurema Alves Ayub Almeida era moradora de Cachoeiro de Itapemirim e estava internada na Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro, desde o dia do acidente.

SERVIDORA TAMBÉM MORREU
A batida envolveu dois carros. Um Fiat Uno, onde estava a servidora pública de Marataízes Cássia Pinheiro de Alcântara, de 31 anos, e um Chevrolet Corsa, onde Jurema e um familiar viajavam. Cássia Pinheiro de Alcântara morreu logo após dar entrada no hospital.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Sugestões
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp