MENU

11/08/2021 às 13h50min - Atualizada em 11/08/2021 às 13h50min

Veja como votou os deputados capixabas sobre o voto impresso

Da Redação

A Câmara dos Deputados rejeitou a PEC do voto impresso, na noite dessa terça-feira (10). Apesar da maioria dos presentes ter se mostrado favorável à proposta, era preciso o apoio de três quintos dos deputados, o correspondente a 308 votos favoráveis. 

Entretanto, o texto teve o apoio de apenas 229 deputados. Outros 218 votaram contra, e um parlamentar se absteve. Ao todo, 448 votos foram computados. Com o resultado, a PEC será arquivada

Dentre os capixabas, não houve surpresas. Como antecipado pelo Folha Vitória, a maior parte dos parlamentares se posicionou a favor do voto impresso. 

Apenas o deputado Ted Conti (PSB) ainda não tinha se posicionado, e também apoiou a medida. 

VEJA QUEM VOTOU A FAVOR

 
 

 

QUEM VOTOU CONTRA

O deputado Helder Salomão (PT) votou não ao voto impresso.

NÃO VOTOU

Felipe Rigoni (PSB), que já havia se posicionado de forma contrária a medida, não votou. 

 
 

 DEPUTADOS BOLSONARISTAS TENTARAM ADIAR VOTAÇÃO

A votação foi concluída por volta das 22 horas. Durante a sessão, deputados bolsonaristas tentaram, sem sucesso, adiar o debate na busca de reverter o resultado. 

O arquivamento da PEC é uma derrota para o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que chegou a condicionar a realização das eleições do ano que vem à adoção da medida. 

O presidente também entrou em atrito com autoridades como o presidente do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), Luis Roberto Barroso, defensor das urnas eletrônicas usadas atualmente. Bolsonaristas atribuem ao ministro pressão para que deputados rejeitassem a proposta....

A proposta do voto impresso já havia sido reprovada na comissão especial da Câmara na quinta-feira (5), por 23 a 11 votos, mas foi encaminhada ao plenário pelo presidente da Casa, Arthur Lira (PP-AL).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Sugestões
Atendimento
Precisa de ajuda? Fale conosco pelo Whatsapp